O Provedor de Justiça do Turismo continua a trabalhar em benefício do utilizador turístico e consumidor

A Ouvidoria do Turismo da Cidade de Buenos Aires participou da reunião do Instituto de Direito do Usuário e Consumidor da Ordem dos Advogados da Capital Federal. Durante a reunião virtual, a equipa do Provedor de Justiça aprofundou as questões levantadas na reunião anterior com o intuito de defender os direitos dos consumidores turísticos no âmbito da Pandemia Covid-19.

Após um diálogo fluido que abrangeu diferentes questões jurídicas na área, Dra. Lorraine Lavascsk, Dra. Susana Ayala, e Dr.. Mariela Saleh em representação do Posto de Turismo de Buenos Aires, propôs a realização de uma atividade acadêmica sob o tema: “Turistas como consumidores – Rumo à resolução de seus conflitos em tempos de COVID19 ".

Consiste na realização de um encontro virtual com lideranças da área acadêmica, judicial, político e profissional, em que serão analisados ​​os desafios voltados para a resolução de conflitos de turistas e usuários do transporte aéreo como consumidores em tempos de Covid19. Todos os membros da comissão, eles receberam a proposta muito favoravelmente, destacando que é um problema atual.

Esta iniciativa foi gerada a partir do trabalho que a Ouvidoria do Turismo realiza diariamente. Em primeiro lugar, para resolver os incómodos que o turista deve passar no seu papel de consumidor em consequência da actual emergência sanitária e, em segundo lugar, com o objetivo de definir o cenário e projetar como o turismo se desenvolverá na era pós-pandêmica.

A Ouvidoria do Turismo em diálogo com o Instituto de Direito do Usuário e Consumidor da Ordem dos Advogados da Capital Federal.

A Ouvidoria do Turismo em diálogo com o Instituto de Direito do Usuário e Consumidor da Ordem dos Advogados da Capital Federal.